visualizações de página

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

O tio é pop

Da série datas inesquecíveis que todo mundo esquece, mas comemora, eu não poderia deixar passar em branco sem ao menos prestigiar com uma homenagem CARNAvalesca em ritmo de marchinha, os tios de coração. Então meus queridos usem o lóbo occipital do cérebro de vocês e busquem lembrar-se de obras lendárias como “mamãe eu quero” e a “pipa do vovô”, para que possam acompanhar a letra. Bota o capô pra vibrar, e tira a roupa porque carnaval de macho tem que ta todo mundo pelado.


O tio é pop

Larárárárá, Larárárárá, larárá, larárá, larárá

Eu tava no meu canto tranquilinho, sossegado no escurinho
Eu não botava foto no Orkut, e era falso meu nome ilustre
Galera sabe que é difícil encontrar, alguém em quem se possa confiar.

Mas um dia o tio apareceu, mando recado e Orkut ferveu!

O tio é pop, o tio é pop
Mas sua bunda não dá ibope
O tio é pop, o tio é pop
Ele conhece desde a nata até o pobre
Era tiozito pra lá, era tiozito pra cá
Desse parente não deu pra escapar
Era tiozito pra lá, era tiozito pra cá
Sobe plaquinha pra eu ser popular

Larárárárá, Larárárárá, larárá, larárá, larárá
Larárárárá, Larárárárá, larárá, larárá, larárá


Com essa fama muita gente apareceu
A coisa tava ficando MARA!
Chego a BÁRBIE e todo mundo entendeu
Que esses tios ninguém separa.


O tio é pop, o tio é pop
Mas sua bunda não dá ibope
O tio é pop, o tio é pop
Ele conhece desde a nata até o pobre
Era tiozito pra lá, era tiozito pra cá
Desse parente não deu pra escapar
Era tiozito pra lá, era tiozito pra cá
Sobe plaquinha pra eu ser popular

Larárárárá, Larárárárá, larárá, larárá, larárá.

Pá pum!


PeDiupÁParaparO!

Um comentário:

Pedras na janela

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...